Passar por tratamento não precisa ser uma vergonha

Ninguém gosta de ir ao médico ou hospital. O excesso de tons pastéis, metais e assepsia – além da óbvia presença de pessoas doentes ou parentes de pacientes – não fazem desses locais os mais felizes e reconfortantes do mundo. Mas, quem precisa ir muito ao médico, por causa de algum tratamento, eventualmente acaba se acostumando com esses ambientes.

Veja também: Essas fotos mostram o sentimento de quem sofre de depressão

E foi por causa da sua condição que a artista Karolyn Gehrig começou a fazer visitas frequentes ao médico. Gehring sofre da Síndrome de Ehlers-Danlos (também conhecida como “Síndrome do Homem-elástico”), uma condição incurável que afeta pele, articulação e vasos sanguíneos, e que exige um acompanhamento constante.

Gehring ficou tão familiarizada com o ambiente de clínicas que resolveu criar o #HospitalGlam, um movimento que encoraja pessoas a tirarem uma selfie enquanto estão passando por tratamento médico. De acordo com a artista, a ideia é “tirar a vergonha de estar passando por tratamento um selfie de cada vez”.

Claro que ela própria participa do movimento, transformando cada visita ao médico como uma sessão de fotos. Quem quiser participar deve seguir apenas uma regra: a foto deve ser do paciente e não do procedimento em si. Depois, basta compartilhar a foto com a hashtag #HospitalGlam.

HospitalGlam_ADCT (4) HospitalGlam_ADCT (5) HospitalGlam_ADCT (6) HospitalGlam_ADCT (7) HospitalGlam_ADCT (8) HospitalGlam_ADCT (9) HospitalGlam_ADCT (10) HospitalGlam_ADCT (11) HospitalGlam_ADCT (13) HospitalGlam_ADCT (1) HospitalGlam_ADCT (2) HospitalGlam_ADCT (3)

Todas as fotos são de Karolyn Gehrig